Instalações do edifício

Solicite proposta de fornecimento dos programas de CYPE

CYPECAD MEP

A excelência no projecto de Infraestruturas Prediais

CYPECAD MEP é um programa desenhado para o cálculo, dimensionamento e verificação de redes interiores de:

Todas as redes num só ficheiro

Ao permitir os vários tipos de especialidades num único ficheiro, a definição das plantas é comum a qualquer das redes.

Após a definição do número de pisos poderá desenhar o respectivo traçado da rede, subindo e descendo para o piso que pretender, sem obrigatoriedade na sequência da introdução.

O sentido e sequência de introdução de cada tramo da rede é indiferente, o programa determina o sentido de circulação do caudal de forma automática.

As plantas iguais e consecutivas podem ser agrupadas, os dados introduzidos numa delas serão assumidos para as restantes.

Clique para ampliar a imagemOs agrupamentos de plantas podem ser diferentes para os vários tipos de redes.

Em cada piso só necessitará de indicar o ponto de ligação entre a rede e as colunas montantes, ou tubos de queda, sendo estes desenhados automaticamente.

A obtenção dos desenhos é feita em relação ao conjunto dos vários tipos de redes do ficheiro, embora colocados em folhas distintas.

Importação de ficheiros

A importação da arquitectura (em ficheiros DXF, DWG ou DWF) permite que a introdução do traçado das redes se realize com a simplicidade que a CYPE desde sempre nos habituou.

Clique para ampliar a imagem

Edição da rede

As funções mover, duplicar, criar simetria, rodar, permitem uma enorme economia de tempo, eliminando a introdução repetida de dados.

Bibliotecas de materiais e de consumos

As bibliotecas são editáveis pelo utilizador (excepto os módulos de Gás e Contra incêndios), podendo adicionar ou alterar materiais, tipos de caudal, elementos, etc.

Pode simultaneamente utilizar distintos materiais na mesma obra.

DXF do corte

Clique para ampliar a imagem

As colunas montantes ou tubos de queda podem situar-se sobre um corte em DXF, DWG ou DWF para a obtenção do desenho do corte correspondente.

3D

A opção 3D permite visualizar a rede, de qualquer perspectiva, à medida que se vai definindo o seu traçado. Poderá, em qualquer momento, imprimir essa perspectiva.

Cálculo

Após a completa introdução dos dados, o programa calcula e dimensiona a rede de acordo com as bibliotecas seleccionadas.

 

Clique para ampliar a imagemPoderá simplesmente efectuar a verificação da rede com base nos dados introduzidos; o programa informará quais as especificações que não se verificam, em determinados tramos ou nós, caso existam. De seguida pode redefinir os dados e voltar a verificá-los ou simplesmente seleccionar o dimensionamento automático.

Peças escritas e desenhadas

O relatório de cálculo indica-nos o resultado do dimensionamento e das verificações efectuadas pelo programa.

Clique para ampliar a imagemPoderá obtê-lo através da listagem directa para a impressora ou através da exportação para ficheiros TXT, HTML, PDF, RTF ou DOCX gerados pelo programa.

As peças desenhadas são constituídas pelas plantas completas, incluindo a Arquitectura caso tenha optado pela sua importação através dos ficheiros DXF ou DWG, pelos cortes e perspectivas.

Antes de imprimir as plantas poderá editar os desenhos, introduzindo pormenores construtivos ou modificando a posição dos textos.

No final poderá imprimir directamente para impressora, ou plotter, ou gerar um ficheiro DXF ou DWG.

Medições

O programa realiza as medições dos vários elementos que constituem as redes.

Águas

Dados gerais

Poderá indicar a pressão de entrada ou então deixar que o programa determine a pressão mínima necessária.

A instalação poderá ser calculada considerando os caudais acumulados brutos ou aplicando coeficientes de simultaneidade.

Opções de cálculo

Clique para ampliar a imagemEspecificam-se as características da água fria e quente, limites de velocidades nos tubos, perdas de carga, formulação de cálculo, limites de pressão nos nós e opções para as redes de retorno.

Tubagens

As tubagens podem ser simples ou múltiplas (água fria, água quente ou retorno de água quente), com traçado rectilíneo ou curvilíneo (para o caso de canalização flexível).

Os tramos verticais de ligação a cada dispositivo podem introduzir-se de uma forma automática.

Clique para ampliar a imagemTambém poderá definir o traçado de redes de retorno.

Caudais nos dispositivos

Pode definir consumos genéricos ou seleccioná-los directamente da biblioteca.

Os dispositivos podem ser do tipo simples ou misturadoras de água fria e quente.

Clique para ampliar a imagem

Perdas de carga

Para além das perdas de carga gerais pode definir e localizar elementos com as respectivas perdas de carga (bombas, depósitos, contadores, etc.).

 

Residuais

Dados gerais

Clique para ampliar a imagemA instalação é calculada considerando os coeficientes de simultaneidade do regulamento.

Tubos de queda

Para além do dimensionamento dos tubos de queda, o programa realiza o dimensionamento da ventilação secundária em função da taxa de ocupação.

Tubagens

Efectua o dimensionamento dos ramais de descarga e colectores. Nos colectores instalados à vista, permite a colocação de bocas de limpeza.

Descargas nos nós

Clique para ampliar a imagem

Pode definir descargas genéricas ou seleccioná-las directamente da biblioteca.

Pluviais

Local e opções

A partir da identificação do local da obra, o programa gera automaticamente a Intensidade de Precipitação, que servirá para o cálculo do caudal, ou então introduzir directamente o caudal a drenar, bem como a altura de lâmina de água para dimensionamento dos tubos de queda.

Áreas

A importação dos desenhos de arquitectura das coberturas permitirá a definição gráfica das áreas a drenar, em função dos dados gerais escolhidos.

Clique para ampliar a imagem

 

Tubagens

São constituídas por caleiras, ramais e colectores. O caudal resultante da área a drenar é automaticamente descarregado na respectiva caleira, ou ramal, que por sua vez o descarrega no tubo de queda e este no colector.

 

 

Gás

Dados gerais

A partir da indicação do distrito e município, o programa assume automaticamente a empresa distribuidora de gás natural e consequentemente os seus valores limites de cálculo.

Tipo de projecto

O utilizador indica o tipo de projecto, bem como o tipo e número de unidades de ocupação. Isto permite ao programa contabilizar de forma automática a potência da caldeira ou esquentador.

Clique para ampliar a imagem

Tubagens

As tubagens são horizontais e verticais, os troços verticais de ligação aos aparelhos, caixas de corte geral e alvéolo técnico são definidos de uma forma automática. Por outro lado o programa permite introduzir desníveis nas tubagens.

Equipamentos

Clique para ampliar a imagemO programa apresenta um menu onde poderá introduzir: o tipo de entrada na rede (depósito ou ligação à rede geral); caixa de corte geral; alvéolo técnico; potências (caldeira, esquentador, fogão com forno, fogão, potência genérica), os equipamentos para cada uma das situações do seu projecto.

Clique para ampliar a imagemContra Incêndios

Tipo de projecto

Mediante a selecção do tipo de projecto, o programa automaticamente admite o tipo de classe de risco para o cálculo da rede de sprinklers.

Tubagens e equipamentos

A rede de sprinklers pode ser gerada de forma automática.

O programa possui uma biblioteca de sprinklers e bocas de incêndio.

Para além disso, é possível introduzir os símbolos que permitem conceber o plano de segurança contra incêndio.

DimensionamentoClique para ampliar a imagem

O programa determinará o número de sprinklers em funcionamento simultâneo.

Pode calcular redes malhadas de sprinklers, a verificação da área coberta pelos sprinklers pode ser automática.

O número de bocas de incêndio a funcionar simultaneamente é considerado automaticamente de acordo com os requisitos regulamentares.

Telecomunicações (ITED 2ª Edição)

Âmbito e objectivo

Programa desenvolvido para dimensionar e desenhar redes de telecomunicações de acordo com a 2ª edição do Manual ITED para edifícios habitacionais unifamiliares, multifamiliares e em banda.

Entrada de dados

Clique para ampliar a imagem

A introdução de dados é gráfica, pode realizar-se a partir de ficheiros DWF, DXF ou DWG, através do ambiente CYPE, com todas as vantagens que o caracterizam, permitindo uma elevada optimização do tempo disponibilizado para a realização do projecto.

É possível seleccionar o tipo de tubo que se pretende utilizar.

Os restantes equipamentos como por exemplo antenas, amplificadores, derivadores, repartidores, armários, serão escolhidos automaticamente pelo programa.

Dimensionamento

Clique para ampliar a imagem Clique para ampliar a imagem

O programa através de cálculos assegura o correcto dimensionamento da tubagem e os níveis mínimos de sinal nas tomadas.

O programa detecta automaticamente situações especiais do projecto tais como:

  • A necessidade de amplificadores de linha;
  • O nível de sinal nas tomadas;
  • Comprimentos de tubagem superiores a 12 m;
  • O número mínimo de tomadas introduzidas;
  • A não introdução de um equipamento importante para a instalação.

Listagens e Desenhos

Como peças escritas, o programa gera automaticamente o projecto ITED completo que inclui: Resultados do cálculo; Termo de responsabilidade e fichas técnicas preenchidas; Memória descritiva (dados gerais, descrição das instalações); Quadros de dimensionamento; Quadro de materiais e Medições e orçamentos.

As medições e orçamentos são gerados a partir dos dados de entrada e da ligação ao programa Gerador de preços.

Clique para ampliar a imagem

As listagens podem ser impressas directamente para qualquer periférico ou exportadas para ficheiro em formato TXT, HTML, PDF, RTF ou DOCX.

Relativamente aos desenhos o programa gera automaticamente as plantas com a rede de telecomunicações desenhada sobre a planta de arquitectura e os diversos esquemas de redes (cabos de pares de cobre; cabos de fibra óptica; cabos coaxiais – sistema MATV/SMATV; cabos coaxiais – sistema CATV; tubagens).

Os desenhos podem ser impressos para qualquer periférico ou exportados para ficheiros em formato DXF ou DWG.

Electricidade

Âmbito e objectivo

Novo programa concebido para o cálculo e dimensionamento de instalações eléctricas de baixa tensão para edifícios.

Entrada de dados

O utilizador introduz em planta a rede de entrada (portinhola, quadro de colunas, quadros parciais, etc), cargas interiores (tomadas, pontos de luz, etc) e mecanismos interiores (interruptores, campainhas, etc).

Clique para ampliar a imagem Clique para ampliar a imagem Clique para ampliar a imagem Clique para ampliar a imagem

Dimensionamento

Após a introdução dos dados por parte do utilizador, o programa dimensiona a ligação à terra da instalação eléctrica, comprimento máximo de linha, as correntes de curto-circuito máximas e mínimas em cada equipamento e tempos de corte, garantindo assim a protecção da instalação. As potências são calculadas e distribuídas por fases tentando assim garantir o equilíbrio entre fases. As quedas de tensão são também calculadas.

O programa dimensiona a tubagem e os condutores de acordo com a funcionalidade final do circuito, do tipo de cabo, do tipo de condutor e do tipo de instalação podendo o utilizador alterar alguns destes dados.

Esquema de ligação à terra

O sistema de ligação à terra que o programa utiliza é o sistema TT.

Portinhola

Clique para ampliar a imagem Clique para ampliar a imagem

Os dados de entrada são introduzidos na portinhola, esses dados são relativos ao ramal da distribuidora de energia.

Para além de se indicar o tipo de condutor, isolamento e secção tem-se ainda a opção de indicar a corrente de curto-circuito máxima inicial, ou a potência do transformador e o comprimento da alimentação, podendo sempre forçar a secção do troço comum.

Quadro de colunas

Clique para ampliar a imagem A edição do quadro de colunas permite definir qual o tipo de sistema de instalação do troço comum bem como o tipo de canalização, material e tipo de cabo.

Contadores de energia

Os contadores de energia são introduzidos automaticamente pelo programa conforme o tipo de estrutura das instalações colectivas do projecto.

Quadros eléctricos

O programa dimensiona automaticamente os quadros eléctricos, em função dos dados introduzidos.

A potência de cada quadro eléctrico individual é dimensionada de acordo com o número de compartimentos e do tipo de ligação, monofásica ou trifásica.

A potência de dimensionamento total é o somatório das potências de cada quadro eléctrico e a respectiva distribuição de fases a multiplicar pelo factor de simultaneidade, de acordo com as tabelas RTIEBT e respectivo número de instalações.

Também existe a possibilidade de introduzir sub-quadros dependentes de quadros principais ou de outros sub-quadros.

Cálculo das correntes de curto-circuito

Clique para ampliar a imagem Clique para ampliar a imagem O cálculo das correntes de curto-circuito depende da corrente admissível e da corrente nominal do aparelho de corte. O programa calcula a impedância total do circuito de modo a indicar a corrente máxima de curto-circuito e a corrente mínima. O poder de corte será dimensionado automaticamente de acordo com a corrente de curto-circuito.

Listagens e Desenhos

Clique para ampliar a imagem Clique para ampliar a imagem

O programa em termos de peças escritas gera os seguintes elementos:

  • Ficha de identificação e termo de responsabilidade do autor do projecto;
  • Ficha electrotécnica;
  • Resultados de cálculo (Distribuição das fases e Cálculos);
  • Memória descritiva e justificativa;
  • Quadro de materiais;
  • Medições e orçamentos (Necessária a Ligação ao Gerador de preços). 

Estes elementos podem ser impressos directamente para um periférico ou exportado para ficheiro (TXT, HTML, PDF, RTF e DOCx).

Clique para ampliar a imagem Clique para ampliar a imagem

Relativamente às peças desenhadas o programa gera os seguintes elementos:

  • Desenhos da rede em planta (circuito de iluminação e tomadas);
  • Esquemas dos quadros;
  • Esquemas das colunas montantes.

Estes elementos podem ser impressos directamente para um periférico ou exportados para ficheiro (DXF ou DWG).

Climatização

Âmbito e objectivo

O programa de climatização está relacionado com as necessidades cada vez mais pertinentes de conseguir um cálculo dinâmico temporal. Possui uma introdução de dados baseada na introdução da arquitectura do edifício de uma forma simplificada. Introduzindo-se esta, podemos obter as cargas térmicas. Numa segunda fase com a definição dos equipamentos podemos dimensionar sistemas de climatização, estes podem ser genéricos ou de casas comerciais para os quais já estão definidas as características técnicas de acordo com os dados fornecidos pelos fabricantes.

 

Este programa é constituído por:

  • Cargas Térmicas: permite calcular as cargas térmicas para arrefecimento e aquecimento de um edifício, incluindo o caudal de ar necessário para a climatização de espaços com unidades de tratamento de ar. Obtêm-se gráficos de evolução anual e horária por compartimento e conjunto de compartimentos.
  • Aquecimento central: permite o dimensionamento de instalações compostas por caldeiras, tubagens e diversos tipos de radiadores.
  • Ar-condicionado: Permite o cálculo da instalação (sistema ar-água), bombas de calor, uta’s, fan-coils, condutas, tubagens, difusores, etc.

Climatização. Clique para ampliar a imagem

Localização e Orientação

Indicação do concelho e município onde se localiza a obra, isto para definição automática dos parâmetros de cálculo. Definição da orientação do Norte.

 

Arquitectura do edifício

Climatização. Clique para ampliar a imagemIntrodução da arquitectura (paredes, muros, lajes, janelas, clarabóias etc…), podem-se utilizar os dados predefinidos no programa ou criar novos tipos, que poderão ser guardados nas bibliotecas do programa para utilização em futuras obras.

Climatização. Clique para ampliar a imagem

O programa vai determinar automaticamente as medições dos elementos, tendo em conta a sua orientação. As características dos elementos podem ser ajustadas de acordo com tipologias, acessórios, sombreamentos e pontes térmicas, entre outros.

Compartimentos

Climatização. Clique para ampliar a imagem Climatização. Clique para ampliar a imagem Climatização. Clique para ampliar a imagem

Poderá definir várias tipologias de compartimentos (quartos, salas, casas de banho, etc…), sendo que para cada uma delas se pode definir as respectivas condições de utilização (temperatura, humidade, ocupação, iluminação, ventilação, etc…). Possibilidade de se adicionar à biblioteca os novos compartimentos e alterar os predefinidos no programa.

Poderá também agrupar vários compartimentos de modo a obter cálculos por fracção.

Climatização. Clique para ampliar a imagem Climatização. Clique para ampliar a imagem

Caldeiras, emissores e piso radiante

Poderá introduzir caldeiras eléctricas, gás e gasóleo de diferentes tipos (mural e de pé) em sistemas individuais e centralizados, existem também caldeiras de casas comerciais.

Bem como, caldeiras de biomassa alimentadas com pellets ou com estilhas. O programa permite definir o sistema de alimentação, o sistema enchimento e armazenamento.

Relativamente a emissores, poderá introduzir radiadores, toalheiros e emissores eléctricos (acumulador de calor, convector e radiador).

Climatização. Clique para ampliar a imagem Climatização. Clique para ampliar a imagem

No piso radiante o utilizador define as características do sistema: número de circuitos (entre 2 e 12); o fabricante do sistema; a utilização para aquecimento e arrefecimento, ou só para aquecimento; as características do colector.

Facilidade na introdução do circuito, o programa pré-dimensiona e desenha no ecrã de modo instantâneo a forma do circuito (dupla serpentina ou espiral) e a separação entre tubagens, tendo em conta a geometria do compartimento onde se posiciona.

Unidades e acessórios de ar condicionado

Poderá introduzir diversos equipamentos de ar condicionado, bombas de calor, fan-coils (distribuição por condutas, mural, vertical de piso e cassete); sistema split 1x1 e multi-split (marca comercial Mitsubishi); Sistemas ar-ar - rooftop.

Possibilidade de introduzir também diversos acessórios que fazem parte do sistema, tais como difusores (genéricos e casa comercial), condutas rectangulares rígidas, condutas flexíveis, tubagens (aço, cobre e polietileno), grelhas, ventiladores, válvulas, bombas e colectores.

Climatização. Clique para ampliar a imagem Climatização. Clique para ampliar a imagem Climatização. Clique para ampliar a imagem

EnergyPlus™

EnergyPlus™ é um programa de simulação térmica e energética de edifícios desenvolvido pelo DOE (Department of Energy, Estados Unidos) com o qual se podem fazer estudos de necessidade e consumo energético.

Exportação para EnergyPlus™. Clique para ampliar a imagem

Os programas Novo Cypeterm e Climatização do CYPECAD MEP exportam os dados introduzidos para o EnergyPlus™ e também utilizam EnergyPlus™ como motor de cálculo para obter a necessidade térmica de um edifício.

 

Em Energy Plus pode encontrar uma ampla informação sobre as características deste módulo:

Listagens e Desenhos

Climatização. Clique para ampliar a imagemClimatização. Clique para ampliar a imagem

É possível obter listagens justificativas dos cálculos, assim como desenhos. As listagens podem ser impressas directamente para qualquer periférico ou exportadas para ficheiro (TXT, HTML, PDF, RTF e DOCX). Os desenhos também podem ser impressos directamente para qualquer periférico ou exportados para ficheiros em formato de DXF ou DWG.

 

Exportação para programa de orçamentação e controle de obras

Climatização. Clique para ampliar a imagem

Os dados introduzidos no programa podem ser exportados para programas (Arquimedes e Controle de Obra), que permitem obter um orçamento bastante detalhado.

Inicio Volver al inicio

CYPE em Portugal · Top - Informática, Lda.
Rua Comendador Santos da Cunha, 304, Ap. 2330 4701-904 Braga- Tel. 253 209 430 - Fax 253 209 439
Av. 5 de Outubro, 72 – 8º C - 1050 – 059 Lisboa - Tel. 21 782 68 10 - Fax 21 782 68 19
Home | Top-Informática | CYPE Ingenieros | Novidades | Produtos | Serviços |
Aviso Legal | Contacte | Sugestões | Subscrição | Noticias | Mapa Web
CYPE Ingenieros, S.A.